Logo Projeto Abraão

Projeto Abraão

Levantando Intercessores pela Coreia do Norte

BOLETIM INFORMATIVO

N° 98
Jul/2021

Situação Crítica na Coreia do Norte

Situação Crítica na Coreia do Norte

Muitos fatores fazem com que a Coreia Norte tenha uma economia fragilizada. A perseguição, o alto investimento em armamentos e as sanções impostas em resposta aos seus programas militares contestados pela comunidade internacional contribuem em muito para uma economia fraca. Além disso, os desastres naturais como tufões ou inundações fragilizam ainda muito mais o país.

No ano passado mais um inimigo foi adicionado aos norte coreanos: o corona vírus. Apesar do líder ditador não admitir que o vírus tenha atingido o país, é fato que o país foi atingido por esse vírus quase invisível.

Diante de todo esse contexto, a Coreia enfrenta a maior escassez de alimentos em toda a sua história. A situação é tão grave que o líder ditador, arrogante, admitiu essa crise. Nas palavras do líder ditador Kim Jong-Un o país enfrenta uma “situação alimentar crítica”.

Em uma reunião plenária do Comitê Central do Partido dos Trabalhadores, Kim disse que a situação econômica melhorou, com a produção industrial aumentando 2% em relação ao ano anterior, informou a agência oficial norte-coreana KCNA nesta quarta-feira. O dirigente, porém, admitiu ter encontrado uma "série de dificuldades" devido a muitos "desafios" a serem vencidos. "A situação alimentar é crítica, já que o setor agrícola não conseguiu cumprir sua meta de produção de cereais devido aos danos causados pelos tufões no ano passado", disse Kim.

Durante o verão de 2020 no Hemisfério Norte, milhares de casas e fazendas foram destruídas por tufões que foram acompanhados por inundações. Kim pediu medidas para minimizar as consequências desses desastres naturais, dizendo que garantir "boas colheitas" era uma "prioridade". Durante esta reunião, a "situação duradoura" da pandemia do corona vírus foi discutida, de acordo com a KCNA.

A Coreia do Norte foi um dos primeiros países a impor rígidas restrições sanitárias, incluindo a decisão, desde muito cedo, de fechar as suas fronteiras e em particular com o vizinho chinês para evitar a propagação do corona vírus. Esse isolamento em relação à China teve um alto custo econômico, tanto que Kim reconheceu, em abril, as dificuldades que seu país estava enfrentando. Assim, ele convocou seus assessores militares a "liderar uma nova ‘Marcha Forçada’, ainda mais dura, para ajudar a população a enfrentar as dificuldades". A "Marcha Forçada" é uma expressão usada na Coreia do Norte para se referir à grande fome da década de 1990 que deixou centenas de milhares de mortos, após a redução da ajuda de Moscou depois do colapso soviético.

O povo norte coreano está passando fome e carece das nossas intercessões.

Curiosidades da Coreia do Norte

  • 60% dos norte coreanos vivem de forma miserável, sem nem ter o que comer. As mortes por fome crescem a cada ano. A média é de que cada 5 anos, cerca de 600 mil pessoas morrem de fome no país;

Motivos de Oração em Favor da Coreia do Norte

  • Ore por uma solução para o problema da fome na Coreia
  • Interceda pelos famintos, principalmente os cristãos. Que Deus esteja alcançando as necessidades de cada um deles

Contato

Rua Goias, 631
Parque Nacional
Juquiá - SP
11800-000

Intercessores

Atualmente somos 1.370 intercessores